Economizar nas festas de final de ano é um desafio para muitas pessoas. A época, que é marcada por inúmeros gastos, acaba refletindo prejuízos no planejamento financeiro, gerando, em muitos casos, dívidas que comprometem o orçamento por meses.

Por isso, é importante que você esteja preparado para organizar as festas de final de ano e todos os gastos que as acompanham de forma inteligente e planejada, reduzindo o risco de problemas e aumentando a possibilidade de garantir que suas finanças passem ilesas pelo período.

Preparamos este artigo com algumas dicas infalíveis que vão ajudar nessa tarefa. Quer saber mais? Acompanhe!

1. Elabore uma lista de necessidades

O primeiro passo no projeto de economizar nas festas de final de ano está na elaboração de uma lista de necessidades. Com essas informações em mãos, vai ficar mais fácil ter uma ideia sobre os gastos e de como será feito o planejamento dentro das suas possibilidades, respeitando limites que serão previamente estabelecidos.

Por exemplo, se você vai organizar uma festa ou ceia natalina na sua casa, é importante prever gastos com alimentação, bebida, decoração e limpeza, tudo isso baseado na quantidade de convidados que vão estar presentes no evento. Outro exemplo é na hora de comprar presentes, saia com uma lista em mãos, assim garante que não vai esquecer de ninguém e nem comprar itens sem necessidade, gastando mais que o planejado.

2. Monte um planejamento de gastos

O planejamento de gastos deve ser elaborado levando em consideração a lista de necessidades, bem como todo o rendimento pessoal/da família no final de ano (salário, renda extra, férias, bonificações, etc.). Após lançar essas informações em sua planilha orçamentária, é necessário elencar todas as despesas fixas e variáveis do período.

A partir disso, é possível identificar se existem pendências financeiras e entender qual será o montante necessário para cobrir os gastos de final de ano sem se endividar.

Uma dica importante é não deixar esse planejamento de gastos para a última hora. É muito comum agir impulsivamente quando você tem pouco tempo para se organizar. Por isso, o planejamento é a palavra-chave para um final de ano tranquilo.

Dessa forma, comece agora mesmo a elaborar a sua lista de presentes e dos itens que deverão ser comprados para as festas de final de ano, focando naquilo que realmente interessa. Lembre-se que um bom presente não necessariamente significa um presente de valor alto. Busque opções alternativas.  

3. Peça colaboração dos convidados

Essa é uma prática muito comum nas famílias. Normalmente, a família que se responsabiliza pela organização da festa conta com o apoio dos parentes tanto na divisão dos gastos como na distribuição do trabalho.

É bacana apostar na participação de todos para a divisão de responsabilidades financeiras e a organização da ceia. Uma opção seria definir que cada um levará um item do cardápio e a bebida que pretende consumir. Também é possível montar uma planilha com o orçamento e fazer uma vaquinha para compartilhar os custos da festa.

Isso reduz significativamente a obrigação do anfitrião de cobrir todos os custos, tornando a festa muito mais leve e tranquila para o bolso de todos.

4. Diversifique

A diversificação é outra dica que ajuda a economizar nas festas de final de ano. Muitos itens, principalmente de alimentação, costumam “inflacionar” nessa época. Assim, a dica é diversificar o cardápio, montando receitas que usem outros produtos, que provavelmente apresentarão um custo mais baixo.

A diversificação também pode seguir para a decoração da casa e para a troca de presentes. A clássica brincadeira de amigo secreto ajuda a economizar e reduz significativamente esse tipo de gasto.

5. Realize pesquisa de preços

Esta dica é importante não só nas festas de final de ano. Em qualquer ocasião é extremamente importante realizar pesquisas de preços, já que o preço de um produto pode variar significativamente de uma loja para outra.

Para quem faz compras pela internet, fica mais fácil fazer essa comparação e ver quais são as melhores ofertas.

Entretanto, fique duplamente atento às promoções, pois muitas delas não são vantajosas ou apresentam descontos irreais. Comece agora mesmo a analisar os preços, pois isso vai ajudar você a verificar se efetivamente está sendo concedido um desconto no momento da compra ou se o preço está maior do que o praticado durante o ano.

Com uma boa pesquisa, você pode economizar até 30%, saldo que pode ser direcionado para outras necessidades e investimentos.

6. Tome cuidado com os parcelamentos

Comprometer o seu rendimento pelos meses seguintes, adquirindo os presentes e os demais itens necessários para as festas de final de ano, pode ser um erro que vai causar prejuízos no seu planejamento financeiro pessoal por um longo tempo.

Por isso, muito cuidado com o uso do cartão de crédito em excesso! Você deve lembrar que o início de ano traz consigo despesas com impostos, como IPTU e IPVA, além de mensalidades, materiais escolares e férias.

Dessa forma, parcelar pode ser o primeiro passo para começar o novo ano com o pé esquerdo. E é justamente assim que muitas pessoas fazem: com dívidas que se arrastam por muitos meses, comprometendo o planejamento financeiro do período seguinte.

Por isso, o mais recomendado é que você compre tudo à vista, evitando ao máximo assumir qualquer tipo de dívida. Lembre-se de que comprar à vista sempre pode facilitar a negociação e o pedido de descontos, outro fator que representa uma boa estratégia no planejamento dos gastos.

7. Evite desperdícios

Por fim, a última dica para economizar nas festas de fim ano e que engloba um pouco de tudo que já foi trazido anteriormente é evitar desperdícios!

Compre alguns presentes antecipadamente, peça descontos, opte por pagamento à vista, faça pesquisa de preços, calcule o número de pessoas que vão participar da ceia e a comida necessária para alimentar a todos.

Defina antecipadamente tudo o que for possível e foque no planejamento, isso vai ajudar a evitar os tão indesejados desperdícios e vai permitir que você tenha uma festa muito mais tranquila e, principalmente, que não seja responsável por um dívida que se estenderá pelos próximos meses do novo ano que se inicia.

Agora que você já sabe como economizar nas festas de final de ano, que tal aprofundar a sua educação financeira e investir na gestão eficiente e rentável dos seus recursos financeiros? Então entre em contato com a Claritas e descubra como podemos ajudar você!

7 dicas infalíveis para economizar nas festas de final de ano
Avalie esse post